Agendamento

Tratamento Involuntário

Tratamento Involutário

Clínicas de Recuperação para Dependentes.

internação involuntária é um direito previsto na lei 10.216, de 6 deabrilde 2001. Para que a internação involuntária ocorra, é necessário que um familiar solicite a internação involuntária a uma instituição preparada e qualificada para tratar de internações involuntárias.

Esta lei dispõe sobre direitos que devem ser garantidos na internação involuntária. Ela pretende coibir abusos que, historicamente, eram cometidos nos sistemas de manicomiais tradicionais. Dentre esses direitos, opaciente deve ter respeitada a vontade de se comunicar com seus familiares e ser protegido de todo abuso ou exploração no ambiente da clínica de internação involuntária. Uma boa clínica de internação involuntária conhece e respeita esses direitos, garantidos por lei.

internação involuntária devepreservar o dependente químico de riscos provocados pelo próprio paciente ou por terceiros.O médico da instituição avaliará a necessidade desta internação, levando em conta diversos aspectos e circunstâncias relacionadas ao paciente.

internação involuntária é um ato de amor. Pedir a internação involuntária é desejar o melhor para a pessoa. É importante saber, também, que a internação involuntária é uma necessidade no momento em que, mesmo colocando em risco sua própria vida, o paciente não percebe, nem reconhece que precisa de tratamento.

Obrigações da instituição durante Internação Involuntária

A instituição que acolher o paciente involuntário deve cumprir diversos requisitos legais, além respeitar a leiº 10.216, de 6 deabrilde 2001.Deve, também, atender a portaria nº 2.391/2002/GM. Esta última as obrigações legais da clínica com o poder público, mais especificamente o ministério público que deve fiscalizar as internações involuntárias.

A instituição que trabalha com internação involuntária deve estar com todos os registros em ordem, entre eles Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (CREMESP), Alvará de funcionamento e autorização emitida pela vigilância sanitária, com todas as respectivasresponsabilidades técnicas.

internação involuntária deve ser feita de forma humana e menos invasiva possível, em ambiente terapêutico e agradável. O convívio comunitário é fundamental.Interagindo com seus pares,o paciente se desenvolve melhor, aumentando a eficiência da internação involuntária.

O sucesso desse tratamento requer profissionais qualificados e técnicas terapêuticas que conscientizem o paciente sobre o tratamento e sua necessidade.

Internação involuntária na dependência química

A dependência química é uma grande causa de internação involuntária, sendo notória a incapacidade do dependente químico de tomar decisões saudáveis e ou, perceber a realidade de forma plena. Esta incapacidade tem sua origem no mecanismo da dependência por drogas, a liberação de dopamina em excesso causada pelo uso de drogas passa a sensação de prazer, mas também gera um desequilíbrio em todas as áreas cerebrais na via dopaminérgica. O desequilíbrio atinge o lobo pré-frontal e o sistema límbico, causando perda do discernimento e prejuízos às emoções. Logo, a internação involuntária pode ser a única chance de recuperação nos dependentes químicos mais comprometidos.

Quando todos os requisitos são respeitados, a internação involuntária é segura e eficiente. Conhecer o local onde ocorrerá a internação involuntária da pessoa querida é fundamental para não ter problemas, lembrando que visitar e comunicar-se com a pessoa é um direito do familiar.

Quem convive com um dependente químico usando drogas, sabe o sofrimento e a preocupação que ele causa, quando some por dias ou rouba a própria casa para sustentar seu uso. Assistir à piora, provocada pelo uso de drogas, de uma pessoa amada, observando que ele desperdiça todas as expectativas e educação que lhe foram passadas com tanto carinho, é decepcionante.

A vida sempre merece uma chance.

Referencias

Lein° 10.216, de 6 deabrilde 2001.
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/LEIS_2001/L10216.htm
portaria nº 2.391/2002/GM

180
Clínicas Conveniadas
26
Estados no Brasil
20
Anos de Experiência
100
Profissionais Qualificados

Veja como funciona

Guia de Clínias

Saiba mais sobre o funcionamento do guia de clínicas de recuperação

1

Encontre a Clínica

Busque através do nosso filtro personalizado a clínica mais próxima da sua cidade e estado.

2

Entre em Contato

Solicite mais informações com a nossa equipe de atendimento e solicite mais informações sobre a instituição.

3

Agendamento

Agende uma visita para conhecer a estrutura física e dar andamento no processo de internação.

O Guia mais completo de Clínicas de Recuperação!

Conheça nosso guia especializado no direcionamento de pacientes dependentes.

Profissionais

EQUIPE QUALIFICADA

Contamos com uma equipe altamente qualificada para oferecer o melhor serviço.

Atendimento

Contamos com uma equipe de atendimento que está pronta para lhe atender.

Atendimento 24h

Converse agora mesmo com um de nossos especialistas no tratamento para dependentes químicos.

Profissionais

Contamos com uma equipe técnica altamente qualificada no segmento. Estamos prontos para oferecer o melhor serviço.

Chat Online

Estamos disponíveis para tirar dúvidas e ouvir sugestões através do chat online. Fale conosco agora mesmo.

Depoimentos

Clientes Satisfeitos

Conheça alguns relatos de pacientes que obtiveram sucesso no seu processo de tratamento.

0
Close

Your cart

Abrir chat